Aquele com personalidade!

 foto

(14/03/2016)

– por Michelle J.

      Antes de começar a falar sobre o teste dos 500 km com o March 1.6 SL Colors, por curiosidade,  pesquisei o significado do nome Nissan: indústria japonesa. Nissan era a abreviação na bolsa de valores de Tóquio para a empresa NIppon SANgyo, divisão de peças automotivas – Tobata Casting.

foto2

      Deixando de lado a etimologia, o compacto nipônico é discreto nas grandes cidades, fácil de manobrar, leve, pesa menos que 980 kg e tem um design moderno. Bem, digamos que é o típico carro urbano. Fabricado em Resende-RJ, já vendeu mais de 110 mil unidades no Brasil, sendo 35 mil desde sua fabricação em território brasileiro e, por mês, algo próximo a 1.800 unidades.

     A retirada do compacto aconteceu em uma concessionária Nissan em São Paulo. No caminho até o March, com uma infinidade de veículos parados em um galpão gigantesco, estava também a picape do Luciano Huck, que ele acabara de comprar. Ela estava envelopada em preto fosco, com uma cara de mau! Passada a tietagem com a picape, eis que avisto o nipônico esperando por mim! Ele estava com roupa de festa, branco com detalhes aplicados em vermelho no aerofólio, nos retrovisores, nos protetores de portas laterais, na costura dos tapetes, enfim, é a versão Colors do March 1.6 SL!

IMG_7327

     Para minha alegria, o carro é equipado com a nova central multimídia Nissan Multi-APP. Vem com 13 aplicativos de fábrica: Waze, Google Chrome, Google Search, Google Maps, YouTube, Spotify, Deezer, Weather Channel, Trip Advisor, Tunein Radio, Foursquare, Skype e Onde Parar (os que mostram imagens funcionam apenas com o freio de estacionamento acionado). É possível o uso dos aplicativos desde que você tenha alguma conexão com a internet, que pode ser roteada do celular ou modem. Ela não faz o espelhamento, por isso, para baixar informações pessoais do seu celular para a central, só é possível com o cadastramento do seu e-mail na multimídia (limitado às informações e uso que um e-mail pode lhe oferecer).

FullSizeRender

     Positivo com os números, o valente da marca japonesa surpreendeu durante os 500 km percorridos! Senti uma certa animação, pois o March se mostrou bastante ágil e esperto. O uso em cidade é perfeito, tem um excelente esterço, cabe em qualquer vaga. Lembro-me de estacionar no mercado e perceber que quase todos os carros corriam o risco de levar aquele “ovinho” indesejado na porta! O March? Nem perto disso!

     Na troca das marchas, notei que, em primeira, o câmbio é ruidoso. A suspensão é macia, o que é curioso, porque as rodas são aro 16 (na versão top de linha) e o entre eixos é curto. Sinal de uma boa calibragem em molas e amortecedores. Aprovado!

     Apesar de ser um carro para cinco ocupantes, o nipo-brasileiro não é o mais espaçoso entre os compactos. A posição de guiar é ótima e o motorista não pode se queixar do espaço interno dianteiro, já o passageiro traseiro não terá tantas alegrias.

IMG_7326

     A média final do consumo com etanol foi de 8,6 km/l em 487 km percorridos, sendo que 177 km foram em rodovias e o restante na cidade, no trânsito e sempre com o ar-condicionado ligado.

     São 6 versões com 2 opções de motorização: 1.0 (74 cv) e 1.6 16v (111 cv). Os valores estão estimados entre R$ 36.990 a R$ 49.000O. O pacote Colors traz a central multimídia Nissan Multi-App de fábrica. As versões 1.0 S e 1.6 S podem ser equipadas com o pacote Pack Plus, que adiciona ao modelo retrovisores na cor da carroceria, vidros dianteiros e traseiros com acionamento elétrico e função Um Toque para o motorista.

     Vez ou outra, em minha garagem, há máquinas como o Jaguar F-Type, um superesportivo de cair o queixo de qualquer mortal, mas, surpreendentemente, o March recebeu um elogio pouco esperado de uma amiga: “Nossa! Este sim!”, dando a ideia de que o compacto e simpático Nissan seria um carro perfeito para ela.

     Contrariando minhas expectativas, o nipônico deixou saudades!

Avaliação Nissan March 1.6 SL – clique aqui!

 

Acompanhe

Publicidade